Thumbnail

Startup de saúde digital recebe investimento de R$ 8 milhões

Saúde para todos

Startup de saúde digital para classes C e D recebe aporte de R$ 8 milhões

GazzConecta
12/08/2021 18:22
A startup de saúde digital Assina Saúde, especializada na democratização da medicina de qualidade para as classes C e D, recebeu um aporte de R$ 8 milhões pela Astella Investimentos e anunciou a mudança de nome – passando a se chamar Kompa Saúde.
O objetivo da startup é oferecer uma alternativa ao público ainda dependente do Sistema Único de Saúde e que não tem condições de pagar por um plano de saúde privado. Com a pandemia do coronavírus, aumentou a procura por soluções em telemedicina e por planos mais acessíveis.
“Nem sempre pagar caro por um plano remete à qualidade. Nós oferecemos serviços de saúde que se adaptam às necessidades do nosso público, tornando a medicina de qualidade mais acessível para a população, oferecendo telemedicina e acompanhamento para um público que não tem condições de arcar com um plano de saúde privado”, explica Bruno Carvalho, CEO da Kompa Saúde.
Junto com o anúncio de investimento, a startup lançou também um aplicativo próprio com soluções de telemedicina e uma enfermeira virtual, chamada Karmen. A inteligência artificial realiza a triagem dos pacientes para que o atendimento pelo corpo médico seja o mais humanizado possível.
Com o investimento, a Kompa Saúde projeta o desenvolvimento de novas tecnologias com uso de inteligência artificial e a expansão de sua atuação no mercado brasileiro. Hoje, a startup está presente em 4 estados e conta com 58 funcionários. A expectativa da companhia é crescer 300% até o final do ano.
“Não vamos desistir até que cada cidadão brasileiro tenha acesso a uma saúde de qualidade e digital na palma da sua mão. É nisso que a gente acredita’’, declara Carvalho.

Enquete

No Google for Brasil 2024, a gigante de tecnologia anunciou diversas novidades para o mercado brasileiro. Dentre elas, qual lhe chamou mais a atenção?

Newsletter

Receba todas as melhores matérias em primeira mão