Thumbnail

Depois de estreia em Santos (SP), capital paulista foi a segunda cidade a receber os patinetes elétricos da Uber.

Patinetes elétricas

Na contramão do mercado, Uber lança patinetes elétricas em São Paulo

Patrícia Basilio, especial para Gazeta do Povo
02/03/2020 15:13
O serviço de aluguel de patinetes da Uber está disponível em São Paulo a partir desta segunda-feira (2). A capital paulista recebe o modal dois meses após a estreia do serviço em Santos (SP), lançado em dezembro. A empresa recebeu autorização da prefeitura de São Paulo para operar na capital em janeiro.
De acordo com a Uber, o lançamento terá preço promocional
sem taxa de desbloqueio e custo de R$ 0,90 por minuto de uso. Para utilizar o
serviço, basta utilizar o próprio aplicativo da empresa para localizar os veículos e desbloqueá-los. A área de
operação inicial em São Paulo contempla os bairros Vila Olímpia, Moema, Itaim
Bibi, Vila Nova Conceição, Jardim Luzitânia, e será expandida conforme a
demanda dos usuários.
"Planejamos a operação para que as patinetes da Uber sejam uma ótima opção para deslocamentos mais curtos, de forma a incentivar que os veículos elétricos sejam usados para complementar o transporte público e driblar o trânsito. Nossos milhões de usuários em São Paulo já estão acostumados com o app, agora eles ganham uma nova solução para essas situações", afimou Ruddy Wang, diretor de Novas Modalidades da companhia na América Latina, em nota.
#mc_embed_signup{background:#fff; clear:left; font:14px Helvetica,Arial,sans-serif; width:100%;}
/* Add your own Mailchimp form style overrides in your site stylesheet or in this style block.
We recommend moving this block and the preceding CSS link to the HEAD of your HTML file. */
Em
São Paulo, a Uber possui integração com o transporte público e exibe informações
sobre linhas de ônibus, metrô e trens direto no aplicativo. Agora, o patinete
também faz parte desse sistema.

Crise dos patinetes

O lançamento da Uber acontece em meio a um questionamento sobre a sustentabilidade das empresas de micromobilidade. A Lime, por exemplo, encerrou operações no país em janeiro seis meses após desembarcar em São Paulo e no Rio de janeiro. O mesmo processo ocorreu nas capitais de Bogotá, Buenos Aires, Lima, Montevidéu e algumas cidades nos Estados Unidos.
A Grow, responsável pela operação do aplicativo Yellow Bike, decidiu encerrar as operações de aluguel de bicicletas no Brasil também em janeiro. A locação de patinetes permaneceu apenas em São Paulo, Rio de Janeiro e Curitiba, mas usuários relatam dificuldade para encontrar unidades disponíveis nas ruas.

Enquete

A inteligência artificial está transformando rapidamente aspectos da sociedade. Como você percebe o impacto da IA em nossas vidas?

Newsletter

Receba todas as melhores matérias em primeira mão