Thumbnail

Escolher um líder competente e inspirador é mais valioso do que escolher um trabalho específico.

Karen Rebello*

Karen Rebello*

Cofundadora & CTO da Human Skills I Principal Product e program manager do NuBank.

Carreira

Não escolha a empresa, não escolha o cargo, mas escolha, sim, o líder para o qual você quer trabalhar

22/09/2023 18:39
Imagine que você finalmente alcançou o tão almejado cargo dos sonhos, era tudo que você queria. Você sonhou por anos chegar até lá, esforçou-se, cumpriu todas as metas e objetivos e, mais que isso, colocou o seu suor e a sua disciplina.
Pois bem, mas o que você percebeu quando chegou até lá? O sonho se transformou em um verdadeiro inferno astral no primeiro ano. Mas por que isso aconteceu se era para ser o auge da sua carreira?
Aposto que você não está sozinho nessa situação, então vou lhe contar a real. Nem sempre a expectativa se converge em realidade. Claro, o sonho e a expectativa são sempre mais bonitos e romantizados. A realidade, às vezes, é dura, pois pode se mostrar inesperada e um fator que você não tinha levado em consideração era o seguinte: o seu líder neste momento é muito diferente do que você imaginava. A posição continua sendo maravilhosa, mas a liderança que vem junto com ela não é.
Quando eu mesma estava no início da minha carreira, vi-me em diversas situações em que, mesmo apaixonada pelo que fazia, me vi cercada por um ambiente que simplesmente não se encaixava. Foi só depois de uma jornada repleta de altos e baixos que pude compreender a importância crucial do líder em toda essa equação. Por mais glamuroso que um trabalho possa parecer, é a pessoa que está liderando que muitas vezes determina o sucesso ou fracasso da nossa experiência.
E sim, experiência, afinal falamos de experiência do cliente, experiência em employer branding, mas e a tal da experiência quando viramos líderes, como fica?
Agora, você deve estar se perguntando: o que um líder pode realmente fazer para impactar tanto a nossa jornada profissional? Bem, a resposta é surpreendente. Muitas vezes, é uma única pessoa, frequentemente associada ao maior salário ou ao título mais elevado, que tem o poder de transformar o ambiente de trabalho em um paraíso acolhedor ou em um verdadeiro caos. Essa pessoa, muitas vezes referida como "chefe", tem a capacidade de exercer uma influência notável sobre a maneira como percebemos e experimentamos nosso trabalho.
Permita-me compartilhar minha própria jornada de descoberta com você. Houve momentos em que aceitei posições incríveis, envolvida em projetos emocionantes, apenas para me deparar com um líder que parecia determinado a minar a experiência. Esses líderes não eram apenas desafiadores; eles eram tóxicos, esmagando qualquer entusiasmo e motivação que eu tivesse. O resultado foi que até mesmo tarefas gratificantes se transformaram em tarefas penosas, tudo por causa da influência negativa ou do peso que esses líderes traziam para uma simples atividade.
Foi somente quando uma mentora excepcional entrou na minha vida que minha perspectiva começou a mudar. Ela viu em mim um potencial que eu nunca tinha percebido em mim mesma. Foi como se ela tivesse uma visão clara das minhas habilidades e capacidades, muito além do que eu achava ser possível. Foi essa mentora que se tornou um divisor de águas em minha jornada profissional, redefinindo a forma como eu via minha carreira e meu potencial.
Aqui está o ponto crucial: escolher um líder competente e inspirador é mais valioso do que escolher um trabalho específico. Líderes eficazes não apenas moldam o ambiente ao nosso redor, mas também ajudam a moldar nossa mentalidade e nossa abordagem ao trabalho. Eles são mais do que apenas chefes; são mentores, orientadores e catalisadores de crescimento.
Como você, eu também me perguntei como identificar esses líderes especiais. A resposta veio com o tempo e a experiência. Quando me vi trabalhando em um projeto com uma equipe maravilhosa, mas com um líder tóxico, percebi a importância crucial das habilidades humanas do líder. Quando estava com a equipe, sentia-me energizada, engajada e inspirada. Mas quando tinha que reportar para o líder, o entusiasmo se transformava em ansiedade. Essa experiência me mostrou que o relacionamento com o líder era tão importante quanto o trabalho em si.
Hoje, enquanto reflito sobre essa jornada de descoberta, reconheço que minha própria trajetória foi moldada pelos líderes que escolhi seguir. A influência positiva e inspiradora deles me motivou a buscar não apenas trabalhos empolgantes, mas líderes que genuinamente acreditavam em meu potencial e estavam dispostos a investir em meu crescimento, assim como a deixar o trabalho mais leve e prazeroso.
Portanto, da próxima vez que você considerar uma oportunidade profissional, leve em conta não apenas o trabalho em si, mas também quem será seu líder. Líderes que reconhecem o potencial oculto, que inspiram confiança e que estão comprometidos com o desenvolvimento podem transformar sua carreira de uma maneira que você jamais imaginou. Lembre-se de que, no fim das contas, são as pessoas com quem você trabalha e aprende ao longo dessa jornada que realmente fazem a diferença.
*Karen Rebello é cofundadora & CTO da Human Skills I Principal Product e program manager do NuBank.

Enquete

A inteligência artificial está transformando rapidamente aspectos da sociedade. Como você percebe o impacto da IA em nossas vidas?

Newsletter

Receba todas as melhores matérias em primeira mão