Thumbnail

Os tech recruiter têm à frente o desafio de aprimorar os processos de recrutamento e selecionar talentos levando em conta hard skills, mas também soft skills.

Guilherme Junqueira*

Recrutamento de profissionais de tecnologia

Tech recruiter e os desafios para atuar em um mercado escasso e disputado

22/12/2022 15:20
Com a grande demanda por profissionais de tecnologia e perspectivas de que a oferta de trabalho deve seguir aumentando pelos próximos anos no setor, um profissional ganhou destaque no mercado, o tech recruiter. Uma pesquisa recente do LinkedIn, intitulada LinkedIn Economic Graphic, realizada na própria plataforma, elencou os 10 empregos em alta em 2022 e, dentre as profissões, essa foi um dos destaques.
Em um cenário de intensa busca por talentos na área de tecnologia, é natural o aumento desse tipo de profissional. Para auxiliar na busca das empresas por bons desenvolvedores, com os requisitos técnicos necessários para as oportunidades, muitas empresas perceberam que não basta apenas um recrutador comum, é necessário um profissional especializado, que entenda em algum grau de profundidade o universo tech para selecionar bons talentos.
Com isso, os tech recruiter têm à frente o desafio de aprimorar os processos de recrutamento e selecionar talentos levando em conta hard skills, mas também soft skills. Apesar dos bons salários ofertados a esses profissionais, é necessário estudos e desenvolvimento contínuo para atuar em um mercado que está sempre em constante mudança.

Preparação é o primeiro passo

O tech recruiter tem um desafio que o difere da maior parte dos recrutadores comuns que é o de selecionar profissionais qualificados em meio a uma grande escassez de mão de obra. Em suma, diferentemente da maioria das outras profissões, no caso dos talentos da área de tecnologia, em razão da falta de mão de obra, a margem para erros na escolha de alguém é mínima. É necessário muita preparação e estudo.
Por isso, estar atualizado sobre o universo das tecnologias para ter um panorama mais completo sobre o seu funcionamento, bem como as principais necessidades, habilidades e técnicas é imprescindível. Mas não apenas isso, devido às características da área, é necessário aprimorar seus conhecimentos constantemente para não ficar desatualizado.

Contar com tech recruiter pode trazer mais eficiência para a empresa

Como dito antes, selecionar profissionais de TI tem sido um grande desafio para muitas empresas em razão da escassez. Por isso é tão necessário alguém especializado para cuidar do processo. Além dos ganhos operacionais, como uma eficiência maior na contratação dos talentos necessários para as demandas das empresas, isso se reflete também em um posicionamento que expressa maior cuidado por parte da companhia com os talentos.
Neste sentido, empresas que contam com um profissional tech recruiter podem ser mais eficientes e também mais visadas pelos candidatos pelo cuidado maior no processo, na abordagem e filtro das oportunidades.
Para concluir, as perspectivas para quem almeja atuar como tech recruiter são ótimas. Até o mercado alcançar um equilíbrio entre demanda de oferta, ainda levará alguns anos, o que pode favorecer a categoria, que deve ter ofertas de trabalho mais atraentes e desenvolvimento profissional.
*Guilherme Junqueira é CEO da Gama Academy.

Enquete

Imagine a possibilidade de criar vídeos realistas com ferramentas de inteligência artificial, como o Sora. Você teria interesse em utilizar uma ferramenta como essa no futuro?

Newsletter

Receba todas as melhores matérias em primeira mão