Thumbnail

Ter um bom currículo cadastrado na plataforma precisa de algo fundamental no mercado de trabalho: comunicação.

Jéssica Simões

Retenção de talentos

LinkedIn parado não gera resultado: turbine seu perfil e seja encontrado por recrutadores

14/07/2023 14:14
LinkedIn parado não gera resultado. Assim como qualquer rede social, o LinkedIn precisa de movimento. Há quem acredite que um perfil completo, bem ajustado, vai gerar resultados nas buscas por recrutadores e, assim, receber propostas de emprego e parceria. Na prática, ter um bom currículo cadastrado na plataforma precisa de algo fundamental no mercado de trabalho: comunicação.
Abaixo, listei seis dicas para turbinar seu perfil e ser encontrado por recrutadores.
1. Use palavras-chave
Não existe 'menos é mais' no LinkedIn. Quanto mais informação você incluir nos textos publicados (no campo "Sobre", em postagens, artigos, descritivos de cargos que ocupou), melhor a plataforma posicionará seu perfil. Use palavras-chave do seu nicho para ser encontrado com mais facilidade pelos recrutadores e para informar com detalhes quais suas habilidades e conhecimentos.
2. Seja descritivo
Ao escrever seu perfil, inclua também informações relevantes sobre sua vida pessoal e acadêmica, como um hobby e conquistas durante a faculdade, e destaque suas principais realizações. Seja objetivo: descreva com exatidão o que você procura ou oferece. Se você escreve "buscando recolocação", faltam informações como a área e o cargo, por exemplo.
Um erro comum é não detalhar o que executou em cada cargo e área pela qual passou. Especifique as atividades que eram de sua responsabilidade, relacione ações com resultados obtidos, explique o diferencial que você adicionou. E evite usar tópicos. Amarre todas essas informações com um bom storytelling.
3. Produza conteúdo
Publicar conteúdo é de suma importância no LinkedIn. É a partir da construção de conteúdo que o mercado de sua atuação passará a enxergar seu trabalho, de maneira específica e pontual.
Caso você tenha dificuldades para produzir conteúdo, aqui vão umas dicas: fale de ações internas da empresa, opine sobre pesquisas e notícias da sua área, escreva uma análise sobre algum assunto atual do seu ramo, conte uma história de conotação profissional, sugira livros, filmes e outros produtos culturais que possam ter a ver com o universo do seu trabalho.
Para quem tem vergonha ou não consegue produzir conteúdo próprio, preste atenção na próxima dica.
4. Comente estrategicamente em posts
Liste pessoas e empresas que sejam importantes na sua área e que você tenha como exemplo. Comente os conteúdos de perfis que são chave para a sua carreira, que poderiam lhe dar uma oportunidade ou se interessar pelos insights e opiniões que você traz. Use a ferramenta de comentários como uma maneira de começar uma conversa.
5. Segmente sua base de contatos
Se você produz conteúdo todos os dias e não obtém resultados, é possível que você não esteja segmentando sua base de contatos da maneira mais eficiente. Adicione em sua rede profissionais da sua área de atuação. Apenas dessa forma você fará com que seu conteúdo e atualizações cheguem ao seu público-alvo. Mas não se esqueça: por ser orgânico, o aumento de alcance das postagens e o engajamento são um processo lento.
Dica extra:
Preste atenção e monitore o Social Selling Index (SSI). O índice é uma ótima maneira para você saber como está seu perfil no ranqueamento e no que você pode melhorar. O acesso é gratuito para todos os usuários do LinkedIn e leva em conta quatro componentes: estabelecer sua marca pessoal, localizar as pessoas certas (segmentação de base de contatos), interagir oferecendo insights e criar relacionamentos. Um dado da plataforma mostra que 78% dos profissionais que trabalham esses pontos conquistam mais oportunidades que seus pares que não trabalham sua rede social dessa maneira.
*Jéssica Simões é estrategista de LinkedIn, LinkedIn Creator, especialista em reputação de marca pessoal para lideranças, Inteligência e Gestão de Carreira, Employer Branding e Marketing de Comunidade. Também é Co-Fundadora e Diretora de Relacionamento na Aster, uma empresa especializada em Produção de Conteúdo para Lideranças no LinkedIn com foco em fortalecimento de Cultura Organizacional e Marketing Pessoal.
Contato: jessica.simoes@weareaster.com.br | (11) 9 6855-0071

Enquete

Estes são os temas mais procurados em relação a cursos sobre inteligência artificial no momento. Se você tivesse que escolher um deles, qual seria sua opção?

Newsletter

Receba todas as melhores matérias em primeira mão