Thumbnail

Todos somos professores

Flavio Tavares

Flavio Tavares é referência em mobilidade no Brasil. Tem incentivado empresas e líderes a repensarem a maneira como fazem negócios e a terem um olhar mais sensível em relação às pessoas. É palestrante, fundador do Instituto PARAR, a maior plataforma de inovação e educação em mobilidade corporativa do Brasil, idealizador da Welcome Tomorrow, o principal evento sobre mobilidade e futuro da América Latina, e uma das maiores vozes sobre propósito da atualidade.

Educação

Todos somos professores

15/10/2021 14:30
Eu acredito, e talvez você também, que umas das profissões mais nobres do planeta é a dos professores. Eles exercem um papel na sociedade que nem se recebessem de fato o que deveriam, pagaria o que eles representam. Desde que o mundo é mundo, eles estão espalhados por todo canto do planeta, exercendo seu sacrifício, seu chamado, sua missão, porque acredito que ser professor como profissão é isso: uma missão.
Por mais que a tecnologia esteja avançando e já se fale em professores robôs, eles ainda são insubstituíveis, porque eles têm algo que robô jamais terá, eles têm a generosidade. A forma de se expressarem é servindo, sendo altruístas, colocando seus alunos e a necessidade destas pessoas, muitas vezes, acima das suas. Por isso, deveríamos perguntar em jogos de futebol se tem professores ali para ficarmos em pé e aplaudir, deveríamos presentear mais e celebrar mais estas pessoas que não nos ensinam só sobre o que sabem, mas principalmente sobre o que vivem e o que são.
Olhar para os professores e a forma que escolhem viver suas vidas é como olhar um modelo para seguir. Todos nós, sem distinção, deveríamos ser como eles, ou melhor, todos deveríamos ser professores e procurar ensinar algo para alguém. Todos nós deveríamos, de forma generosa, olhar para fora e ver como podemos contribuir com o mundo. Como servir mais nosso próximo e colocar suas necessidades à frente das nossas próprias.
Minha esposa foi professora, ou melhor, ela exerceu a profissão de professora e foi uma das melhores com seus alunos que já conheci. Ela deixou de trabalhar lecionando, mas continua sendo a mesma professora, generosa, paciente, dedicada, servindo, ajudando e sendo altruísta. Aprendo com ela todos os dias, como seus alunos aprendiam. Ela tem prazer em nos ensinar sobre a vida e produzir novos aprendizados.
Além da minha esposa, eu tenho mais 4 incríveis professores em casa, que chamo de filhos, e eles ensinam sem sabem que estão ensinando. Aprendo sobre como posso ser um ser humano melhor, como posso ser mais conectado com o que de fato importa, e aprendo sobre valores, sobre dançar, brincar, sorrir e principalmente sobre ser mais livre.
A vida não é sobre o que queremos ensinar aos outros e sim sobre o que cada pessoa está disposta a aprender. Por isso, ter a consciência que devemos lançar o máximo de sementes onde passamos é o nosso dever, nossa missão, e se muitas delas irão frutificar, crescer e se tornar árvores que geram muitos frutos, talvez não saberemos, mas teremos a consciência em paz porque lançamos a semente.
“O analfabeto do século XXI não será aquele que não consegue ler e escrever, mas aquele que não consegue aprender, desaprender e reaprender” (Alvin Toffler).
Seja curioso, nunca desista de aprender algo novo todos os dias, compartilhe todas as migalhas que vai recolhendo pelo caminho, porque quando fizer isso, saberá que você também é um professor.
E pra você e todos aqueles que fizeram desta missão a sua profissão, parabéns pelo seu dia.

Enquete

As ferramentas de IA estão se tornando cada vez mais populares e acessíveis, com diversas opções disponíveis para diferentes necessidades. Qual delas você mais utiliza?

Newsletter

Receba todas as melhores matérias em primeira mão