Thumbnail

The Cryptoplayers: brasileiro cria álbum de figurinhas no metaverso

Criptoativos

The Cryptoplayers: brasileiro cria álbum de figurinhas no metaverso

GazzConecta
18/03/2022 17:32
O projeto The Cryptoplayers aproveita a tecnologia blockchain e o maior evento esportivo do ano para transformar o hobby de crianças e adultos num ativo digital. Com milhares de NFTs transacionadas, a proposta de criar um álbum de figurinhas no metaverso é democratizar o acesso a criptoativos e ser a primeira NFT do fã de futebol.
"O projeto veio na minha cabeça quando pensei que nesse ano tinha Copa do Mundo e mesmo com esse boom de NFTs, cadê o nosso álbum no metaverso?", explica Diogo dos Reis Ruiz, criador da coleção. 
Por se tratar de um projeto crypto, The Cryptoplayers não conta com jogadores normais. Os personagens são criados usando a técnica de pixel art e trazem características e superpoderes que chamam a atenção dos colecionadores. As figurinhas foram lançadas no marketplace OpenSea pelo valor mínimo da plataforma, que é de US$ 2, mas já é possível encontrar CryptoPlayers por menos de R$ 10.
"Tem muita notícia de valores exorbitantes de vendas de NFTs, mas a gente sabe que isso é restrito para um público pequeno de ricos e famosos. Não acredito na sustentabilidade desse formato, fora que isso assusta e afasta as pessoas de se envolverem com uma tecnologia que vai revolucionar o mundo", completa Diogo. 
Desde o lançamento do The CryptoPlayers, os números de colecionadores e NFTs transacionadas só aumentam. O projeto recebeu recentemente investimentos de um fundo de venture capital, além de investidores anjos do mundo futebol e de criptoativos do Brasil e do exterior. "Com os recursos já estamos desenvolvendo tecnologia para em muito breve ter o álbum, a possibilidade de comprar o envelope com figurinhas aleatórias e poder fazer a troca dos seus CryptoPlayers repetidos a partir de um jogo de super trunfo”, conta Diogo.
O formato encontrado para trazer diversão nas trocas de figurinhas foi criar a versão digital do nostálgico jogo de bafo. O The CryptoPlayers Super Trunfo está no ar em versão beta, na qual é possível jogar, mas ainda sem apostar sua coleção. Segundo Ruiz, a versão completa de troca de figurinhas será lançada até maio.
No roadmap do projeto está previsto também a criação de novos jogos, entre eles uma versão na blockchain de Elifoot, uma espécie de Cartola que fez muito sucesso durante a década de 90 onde o jogador é responsável por gerenciar seu time. Além dos jogos, haverá uma série de benefícios aos colecionadores – desde camisetas autografadas até a possibilidade de assistir a um jogo oficial na Copa do Mundo do Qatar.

Enquete

Imagine a possibilidade de criar vídeos realistas com ferramentas de inteligência artificial, como o Sora. Você teria interesse em utilizar uma ferramenta como essa no futuro?

Newsletter

Receba todas as melhores matérias em primeira mão