Thumbnail

Lançamento do Ecohub UP, novo ecossistema de inovação da Universidade Positivo, no Viasoft Connect.

Ecossistema de inovação

Ecohub, novo ecossistema de inovação da Universidade Positivo, é lançado no Viasoft Connect

GazzConecta
22/06/2023 14:33
O Ecohub UP, novo ecossistema de inovação da Universidade Positivo, foi lançado nesta quinta-feira (22) durante a programação do Viasoft Connect, evento de inovação em gestão empresarial que acontece em Curitiba até esta sexta-feira (23). Com o propósito de potencializar negócios por meio da parceria universidade e empresas, o Ecohub UP é um ambiente de inovação com foco em pesquisa e desenvolvimento.
De acordo com a Head da iniciativa, Maura Guérios, o Ecohub UP vai utilizar toda a estrutura dos três campi da Universidade Positivo em Curitiba e o campus de Londrina para o desenvolvimento de três programas de inovação aberta para empresas. Os programas terão à frente professores e alunos da instituição para colaborar com a cultura inovadora dos negócios.
Os programas desenvolvidos pelo Ecohub UP vão atender propósitos distintos para empresas com diferentes tamanhos e necessidades. O principal deles é chamado de trilha da inovação, uma consultoria especializada que contará com o desenvolvimento de soluções por meio de startups que estão sendo aceleradas pela instituição. A trilha de inovação pode ter duração de até dois anos, dependendo das demandas de cada empreendimento.
Focado em empresas de médio e grande porte, o programa de pesquisa, desenvolvimento e inovação (PD&I) é customizado e aplicado a necessidades específicas de cada negócio. Nele, a empresa financia bolsas de estudo para estudantes de graduação, mestrado, doutorado ou pós-doutorado para a criação de projetos que desenvolvam soluções em parceria. O projeto já é aplicado pela Universidade Positivo com diferentes empresas.
O terceiro programa disponibiliza projetos de consultoria para negócios e disponibiliza os mais de 300 laboratórios da instituição para pesquisas de desenvolvimento de produtos. Na prática, o programa facilita o desenvolvimento de novas ideias e dá suporte à criação de novos produtos, algo em que a UP já tem investido há algum tempo com o apoio de seus professores e alunos.
“O diferencial do Ecohub é centralizar essas ações de inovação aberta que a Universidade Positivo já vinha realizando para impulsionar ainda mais negócios. Outro diferencial é o direcionamento da atividade acadêmica aplicada ao mercado, a partir do perfil empreendedor que é uma das características da instituição”, salienta Maura.
Para o reitor da Universidade Positivo, Roberto Di Benedetto, a expectativa com o Ecohub é reforçar essa característica da instituição de criar parcerias colaborativas com empresas. “Temos uma grande presença do setor industrial e produtivo de Curitiba na universidade e isso contribui para o desenvolvimento de experiências positivas para ambos os lados”, diz.
Benedetto também ressalta o perfil empreendedor dos alunos da Universidade Positivo. Nos últimos 20 anos, segundo ele, quase 25 mil empresas foram criadas por alunos egressos da universidade. Dessas, 55% foram criadas em Curitiba; 81% estão no Paraná e, o restante, em quase todos os estados do Brasil.
“Se considerarmos que essas empresas foram criadas por 10 mil alunos egressos, temos uma média de 2,4 empresas por aluno, um indicador muito elevado. Dessas empresas, mais da metade têm mais de 5 anos, algumas com mais de 9 anos de atuação. Isso demonstra que não só temos um perfil empreendedor acima da média, como também temos um empreendedorismo muito sólido, muito consistente que é fruto da formação dos alunos da universidade”, destaca.

Enquete

A inteligência artificial está transformando rapidamente aspectos da sociedade. Como você percebe o impacto da IA em nossas vidas?

Newsletter

Receba todas as melhores matérias em primeira mão