Thumbnail

Leandro Oshiro e Eduardo Sydney, sócios-fundadores da Mush, de Ponta Grossa (PR).

Embalagens ecológicas

Ambev seleciona startup do Paraná para projeto de soluções de impacto positivo

GazzConecta
13/09/2023 14:58
A Mush, de Ponta Grossa (PR), é uma das 22 startups brasileiras selecionadas pelo 100+ Labs Brasil da Ambev. O programa tem como propósito alavancar negócios inovadores alinhados aos compromissos sustentáveis da empresa, que incluem metas nas frentes de ação climática, gestão da água, embalagem circular e agricultura sustentável, gerando impactos não só na sua operação, mas também em todo o seu ecossistema – que inclui agricultores, fornecedores, bares e restaurantes.
Desde 2018, a companhia movimentou mais de R$20 milhões em negócios, investimentos e premiações para as mais de 80 startups que passaram pelo programa, que também integra uma iniciativa global da companhia e ainda conta com o apoio institucional do Pacto Global das Nações Unidas, alinhados aos seus ODS. A iniciativa é uma corealização da USAID e da Plataforma Parceiros pela Amazônia (PPA), execução do Quintessa, em parceria com PepsiCo e Unilever, com o apoio da Ball e Valgroup e o apoio institucional da Libra Branding, Machado Meyer e Pacto Global.
A startup paranaense desenvolve embalagens ecológicas à base de micélio, atendendo à crescente demanda e necessidade por embalagens sustentáveis. Os produtos são biodegradáveis em condições domésticas, permitindo personalização e oferecendo excelente proteção. A marca trabalha com a missão de reduzir impactos ambientais dos parceiros, adotando práticas circulares.
Nesta primeira fase - o Intensive Learning - foram selecionadas 22 startups com foco em desenvolvimento de embalagens sustentáveis, reciclagem, recuperação ambiental, economia circular, gestão de sustentabilidade de fornecedores, cadeia de produção de produtos e turismo na Amazônia, gestão de pessoas com foco em Diversidade e Inclusão, tecnologia de apoio ao agricultor/agrônomo, e inovação em cuidado e gestão hídrica. Todas elas, com o apoio dos parceiros do projeto, terão a oportunidade de refinar suas soluções em um processo com oito semanas de duração.
As startups selecionadas passarão por workshops sobre temas relevantes para o desenvolvimento do negócio e aprimoramento das suas propostas a serem implementadas junto à Ambev ou organizações parceiras. O objetivo é encontrar ideias inovadoras que possam auxiliar a Ambev, a Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento Internacional (USAID), PPA e parceiros a atingirem as suas metas de sustentabilidade por meio da implementação de um projeto piloto.

Enquete

A inteligência artificial está transformando rapidamente aspectos da sociedade. Como você percebe o impacto da IA em nossas vidas?

Newsletter

Receba todas as melhores matérias em primeira mão